• Da redação

Criado como mais uma atração turística,"Deck do Amor" vira referência para casais


Em meio a uma bela paisagem, espaço que simboliza o amor atrai holambrenses e turistas durante o ano todo e já recebeu até um casamento.


Amor é uma palavra pequena, mas que significa muito para todos os seres humanos neste vasto mundo. De acordo com o Dicionário Aurélio, amor significa "sentimento que induz a aproximar, a proteger ou a conservar a pessoa pela qual se sente afeição ou atração; grande afeição ou afinidade forte por outra pessoa".

Ambos sabemos que o que sentimos realmente se resume nesta definição, mas também sabemos que o que este sentimento provoca vai além deste simples significado. O amor provoca alegrias e tristezas, sorrisos e lágrimas, faz com que criemos um carinho por desconhecidos e até mesmo por seres muito diferentes de nós, como os animais por exemplo. A verdade é que mesmo sendo um misto de sensações, ao final de cada momento o amor sempre proporciona um certo tipo de alegria.

Refletindo sobre algumas neste vasto universo de palavras que possam explicar o amor, que tal conhecer ou saber mais sobre um lugar que o representa em diversas dimensões? Localizado no centro da Cidade das Flores, Holambra apresenta aos turistas e visitantes ocasionais seu Deck do Amor, um espaço especialmente construído às margens do Lago Vitória Régia que é destino certo para os que desejam festejar o amor, seja pelo companheiro (a) com o qual mantêm um relacionamento sério, pela família e amigos, ou também por si mesmo e pela vida.

A construção do famoso deck foi iniciada em 2015 e concluída em 23 de outubro do mesmo ano. Segundo a diretora municipal de turismo e desenvolvimento econômico, Alessandra Caratti, o espaço foi idealizado com o objetivo de aproveitar o potencial de contemplação do local e torná-lo mais atrativo.

O espaço, que já é famoso na cidade e começa a conquistar adeptos fora dela, proporciona uma forte interatividade emocional através dos cadeados, que ao serem colocados na ponte e terem suas chaves arremessadas no lago simbolizam uma união que não poderá ser destruída. "

Pensamos nos cadeados sob a intenção de tematizar esse novo ponto turístico e proporcionar aos visitantes, sejam eles moradores ou turistas, uma interação com o espaço. A ideia foi inspirada pela Pont des Arts, de Paris, famosa pelos "cadeados do amor" que haviam sido retirados recentemente", revela.


Para Alessandra, o local que também apresenta uma sonorização romântica todos os dias, das 8h às 22h, foi bem aceito por parte dos holambrenses e turistas."O Deck do Amor é um espaço agradável e que propicia interação, contemplação e momentos de bem-estar. Não por acaso, é hoje um dos atrativos mais movimentados da cidade aos finais de semana e feriados. As centenas de cadeados já afixados ao deck também são um indicativo de que a iniciativa foi efetivamente abraçada pelos frequentadores" disse.

Porém, o deck do amor não tem sido procurado apenas para passeio. Muitos ensaios fotográficos de noivos e de casais que estão comemorando datas especiais tem sido realizados no espaço."É um lugar criado especialmente para celebrar o amor", afirma Alessandra.

Ao procurar um casal que tivesse uma história de amor vivenciada no local, o site do Jornal da Cidade conheceu o casal holambrense Claudio de Pastena e Neide. Marido e mulher realizaram a cerimônia de casamento no deck do amor há 3 anos. Procurada por nossa repórter, Maria Elisa Moraes, Neide falou sobre como a maravilhosa cerimônia se idealizou e o que ela representou para o casal:

"Eu e meu marido nos casamos no dia 12 de dezembro de 2015. Nós nos conhecemos em 2005 e começamos a morar juntos em 2011. Em 2015 decidi que já era hora de nos casarmos. Esse é o segundo casamento dele, que anteriormente havia formalizado a união no civil e na igreja, e eu, que nunca me casei, sempre quis uma cerimônia no civil e pelo menos um almoço em casa para a família e amigos.

No entanto, fomos surpreendidos com uma iniciativa idealizada e posta em pratica por minha irmã Tiana Olops, que foi até a prefeitura, apresentou sua ideia e eles aceitaram e permitiram que a cerimônia fosse realiza no deck do amor. Sem ela não seria possível essa cerimônia acontecer.

Bom no dia 12 de dezembro comparecemos ao cartório e foi feita a cerimônia do civil, que por sinal é bem rápida e sem graça. Saindo de lá minha irmã logo disse que ia dirigir para os recém casados e nos levou para o moinho para fotografias, fazendo um caminho totalmente diferente. Depois das fotos disse que havia uma surpresa e assim que foi chegando perto do deck do amor vi uma movimentação e carros conhecidos.

Tudo já estava perfeitamente organizado e logo entregaram meu buquê, meu pai já estava a postos, os sobrinhos para levar as alianças, toda família e amigos acomodados em cadeiras, um senhor tocando, nossos filhos, pais, amigos todos lá nos esperando e nós sem sabermos de nada! Foi lindo! Um dia abençoado com um céu maravilhoso e um juiz de paz que na ocasião apenas conduziu a cerimônia com uma linda mensagem de amor. Realmente foi algo mágico. Eu que teria apenas uma cerimônia simples acabei com um casamento lindo e maravilhoso.", relembra a emocionada noiva


Cenas de um casamento de verdade (abaixo) e boas lembranças (acima) num espaço especial: deck do amor coleciona histórias e se torna marcante para os casais.


Confira a galeria de fotos do local que inspira os casais apaixonados:

Fotos: Maria Elisa Moraes - Site JC Holambra.

#Deckdoamor #Holambra #Turismo #Holambrenses #Amor #Cidadedasflores

722 views0 comments